0 Menu

Para uma Sociologia dos Partidos Políticos

Robert Michels

16.65

pvp 18.50 | preço web 16.65

Robert Michels (1876-1936), sociólogo, durante algum tempo colaborador de Max Weber e continuador das teses de Gaetano Mosca e Vilfredo Pareto, foi pioneiro da análise sociológica dos fenómenos oligárquicos no interior das formações políticas, sobretudo na área do movimento operário partidos e sindicatos. A sua Sociologia dos Partidos Políticos, publicada pela primeira vez em 1911, ampliada depois em 1925, procede a uma análise minuciosa e implacável dos fenómenos de poder dentro das organizações democráticas, confrontando uma vasta quantidade de dados e procurando seguir em pormenor os diferentes tipos de causas que fazem com que no interior das organizações que estatutariamente pela via reformista ou pela via revolucionária se definem pela defesa dos direitos das maiorias exploradas e oprimidas se reproduzam as relações de opressão de exploração de silenciamento e de exclusão que essas organizações combatem na organização da sociedade e do Estado. A esse sistema de causas chama Robert Michels a «lei de bronze da oligarquia» partidária e sindical. E se bem que os dados sobre os quais se apoia este estudo tenham a provecta idade de aproximadamente um século o facto é que deles resulta um diagnóstico que mantém a mais impiedosa actualidade.

Esta edição inclui a extensa secção de notas do autor.

  • Tradução José M. Justo
  • Ano de edição 2001
  • N.º pp. 548
  • ISBN 972-608-141-6