0 Menu

O Monstro e Outros Contos

Stephen Crane

5.00 / Promoção

Stephen Crane (1871-1900) pode ser considerado o primeiro escritor norte-americano moderno. Romancista poeta Crane deixou uma longa série de contos dentre os quais «O Monstro», «O Hotel Azul» e «As Novas Luvas de Horace» agora dados à estampa pela primeira vez em língua portuguesa. Publicado em 1898 na Harper’s New Monthly Magazine, «O Monstro» incide na temática da transformação do homem em coisa traçando o retrato cruel de Whilomville, pequena comunidade imaginária, reflexo da desfiguração de Johnson personagem sem rosto. Reapareceu a abrir The Monster and other stories, colectânea de três histórias editada no ano seguinte pela Harper & Brothers. «O Hotel Azul», um dos mais conhecidos contos do autor e que Hemingway afirmou seu favorito, é de certa forma complementado pela última história revelando a impossibilidade da fuga a um estado dependente, o da infância, e às forças sociais que de modo trágico moldam o destino de cada indivíduo. Stephen Crane deixa nas suas narrativas a marca irónica da natureza humana. E morre vitimado pela tuberculose antes de ter completado 29 anos.

  • Tradução David Furtado
  • Ano de edição 2003
  • N.º pp. 162
  • ISBN 972-608-149-1